JugularPonto prévio: o Jugular é dos poucos blogues que conheço que tem pré-moderação. Eu compreendo e aceito o conceito, e até adivinho a quantidade de spam e má educação que por lá passa num dia. Em teoria, sempre preferi a pós-moderação, mais transparente e responsabilizadora, sobretudo se tiver como condicionante um registo – que não é garante de nada, mas sempre é dissuasor – mas admito que me fosse, também, impossível de aturar toneladas de disparates o dia inteiro. Posto isto…

Entre as várias pessoas que escrevem nesse blogue, conta-se um distinto spinner deputado do PS, João Galamba, economista, se não estou em erro, e cujos spins posts versam, na maioria das vezes e como é bom de ver, sobre economia. Nos últimos tempos, vá-se lá saber porquê, sentiu a necessidade de efectuar um conjunto de spins posts sobre alguns temas que marcam a actualidade eleitoral. No entanto, e acredito piamente que é por servir os interesses do partido mera distracção, tem alguns erros e omissões, que fiz questão de apontar.

O primeiro que apontei dizia, a certa altura, que é preciso não esquecer que as pensões do regime público já estão limitadas a 12 IAS (cerca de 5000). Eu não consegui encontrar onde está essa limitação, que acredito que exista, mas cuja história não fica por aqui; se ficasse, eu não teria encontrado alguns exemplos que a desmentem, como comentei lá:

12 x IAS = 12 x 419,22 = 5.030,64 €

Publicado faz hoje uma semana em Diário da República:

**** ******* ***** ******** Chanceler Secretaria-Geral (Quadro Externo) 5.769,46 €

Quem quiser saber o nome da senhora, é só consultar o dito DR. E há lá mais com valores acima do indicado neste post...

Porra, ao fazerem spins, que façam com coisas que sejam difíceis de verificar, ao menos...

Este comentário ficou quase um dia e meio à espera de aprovação. Outros foram sendo aprovados, o autor colocou mais alguns spins posts… Foi finalmente aprovado quando o respectivo spin post já estava bem enterrado debaixo doutros. Por ser incómodo distracção, claro.

O segundo dizia que valia a pena ler um artigo sobre o sucesso das Mittelstand (PMEs), o motor da economia alemã. Li e reli, e em nenhum lado a TSU, os custos unitários do trabalho ou competitividade/preço dos seus produtos surgem como factores críticos (ou sequer relevantes) para o sucesso destas empresas.

Como é lógico, fiz questão de colocar um comentário apontando o facto (incómodo irrelevante para João Galamba) da taxa social alemã ser de 5,5%, para trabalhadores e empresas por igual, o que reflecte uma reducção de 50% para a nossa, no caso dos trabalhadores (11%), e de cerca de 76%, no caso das empresas (23,5%). Ao nível da competitividade, trocos.

Infelizmente, não posso colocar aqui as palavras exactas, porque não vejo o meu comentário que, por manifesta falta de espírito democrático tempo por parte de João Galamba, ainda não foi aprovado… Mas outro, posterior, já foi…

Caro candidato José Sócrates, votei em si em 2009. Pelo que vi, e senti, nestes dois anos, e pela gota de água que é a amostra democrática dos seus deputados, o meu voto já tem dono. Obrigado por tudo e boa sorte.

Está na hora de Mudar

Nota: foi a primeira vez, em quase dois anos, que fiz um post puramente político. Esta cadência é para ser mantida ou até esticada – isto é um blog maioritariamente técnico, e assim continuará. Daqui a uns dias farei dois ou três posts sobre um assunto relacionado com política, mas que são, no essencial, técnicos.

Nota da nota: quando estava a escrever “para ser mantida”, escrevi “para ser mentida”; o meu cérebro prega-me partidas quando falo sobre José Sócrates ou João Galamba.

Adenda em 23 de Maio:

E cinco dias depois, o meu comentário foi finalmente aprovado; eu compreendo, os fins-de-semana são um bocado lentos, e custa a enterrar os tópicos. Assim que chegou à segunda página do blogue, já pode ser aprovado. Hilariante.

Partilhar no Sapo Links Partilhar no del.icio.us Partilhar no Digg Partilhar no Twitter Partilhar no StumbleUpon Partilhar no MySpace Partilhar no Facebook

Comentários Comentários Imagem do Feed RSS

Yet Another Blog» Arquivo » Liberdade de Expressão na Blogosfera

[...] uns dias atrás, ao ler o blog do Marco Amado, encontrei uma explicação bastante razoável para o que me aconteceu (e que na mesma altura [...]

Comentários Deixar um comentário

Tem que efectuar login para poder deixar comentários!

Se não está registado, registe-se aqui.
 Doar (via PayPal)
 Categorias
 Arquivo
 Projectos em Destaque
 Últimas Postas no Blog
 Últimos Comentários do Blog